L’astigiano Ristorante

NOTA GERAL: 4.0/5

www.ristorantilastigiano.blogspot.com
Rua Paraíba, 941 – Funcionários Belo Horizonte – MG | Tel: (31) 3261-7329

Localização e Ambiente: 5/5

Muito simpático e bonito, numa antiga casa com decoração e iluminação impecáveis. O restaurante é relativamente bem localizado na Savassi, e fica num local fácil de estacionar, já que não está no foco da correria noturna do bairro. Ele pode, no entanto, ser um lugar difícil de notar, já que sua entrada é simples e nada imponente. A casa recuada com pouca iluminação deixa a impressão de ser residência de alguém, e a ausência de um cartaz ou letreiro devidamente iluminados dificultam a compreensão de que ali se encontra um belo restaurante italiano. Ainda assim uma vez que você reconhece o L’astigiano como restaurante não faltam elogios para seu ambiente impecável.

Atendimento: 3/5

O atendimento foi atencioso, disciplinado, e um pouco lento. Provavelmente porque a casa estava cheia, e seus três garçons estavam enlouquecendo com os pedidos constantes (principalmente da nossa mesa). O proprietário, Pablo, foi muito solícito e educado, sempre presente para receber os feedbacks do atendimento e da culinária, e atendendo sempre que preciso. Ainda assim eu acredito que para dias cheios como aquele que fomos seriam necessários no mínimo mais um par de atendentes para obter a nota máxima no quesito. Ainda assim a simpatia daqueles envolvidos no atendimento e a capacidade da cozinha de sorver pratos numa velocidade satisfatória – mesmo em momentos de extremo movimento – foi um destaque.

Gastronomia: 4/5

O L’astigiano é um “tradicional” restaurante italiano, com opções maravilhosas de diversos tipos de pratos, e não somente as massas de sempre. Ele se propõe em dividir o menu em antepasto, primeiro prato, segundo prato e sobremesa, como é dito na tradicionalidade italiana. O detalhe é que suas quantidades DEFINITIVAMENTE não são feitas para que você, um ser humano comum, seja capaz de se alimentar de todos os pratos. As comidas do L’astigiano são, em sua maioria, muito bem servidas e bastam uma das opções para alimentar bem uma pessoa.

Entrada:

Proschiutto crudo e mozzarella di bufala (presunto cru e mussarela de bufala): 5/5

O azeite que vinha na mesa era muito bom, e combinava com a cesta de pães maravilhosamente. Como podem notar não está descrito no prato a cesta de pães, que pedimos separadamente (e não foi cobrada), e talvez sem ela o prato ficaria bem sem graça. Ainda assim, considerando a existência da cesta de pães para a ideal degustação, o conjunto foi composto impecavelmente. O parma servido sem nenhum tempero ou preparo, unido da excepcional muçarela, combinados com o pão de gosto forte embalsamado de azeite formavam todo um conjunto estrondoso. A entrada que reina na simplicidade fazia então o contraponto perfeito entre os ingredientes.

Pratos Principais:

Limone siciliano e proschiutto crudo (limao siciliano e presunto cru): 4/5

Mais uma opção de um prato simples. Aqui o forte gosto de limão fez um excelente contraste com a suavidade do parma picadinho. Seu ponto estava somente ok, podendo ser mais duro, porém sua liga estava perfeita e seu brilho saltava aos olhos. O sabor do prato era muito refinado e bastou uma garfada para o azedo do limão nos envolver numa sensação de leveza e sobriedade que, nas quantidades corretas, se quebrava com o inconstante parma. Também polvilhadas no topo, as raspas da casca de limão misturadas no risoto faziam com que pontos de maior presença do forte gosto surgissem ao longo das mordidas, deixando o prato com uma inovadora textura. Um problema aqui foi que, absurdamente discrepante dos demais pratos, este vem em pouca quantidade, possivelmente decepcionando seu apetite.

Medaglionne di filetto ai funghi secchi con fettuccine alla crema (Medalhão de filet com funghi secchi e fettuccine ao creme): 4/5

Pedimos a carne ao ponto para mal passada, e houve satisfação ao ver que a carne estava realmente vermelha, deixando todo seu sabor aguçado. O fettuccine aqui é mais um figurante do que coadjuvante do prato, sendo ótima opção para brincar com as texturas e suavizar o sabor presente da carne. O bacon servido era, para o deleite de todos, bacon de verdade, devidamente cortado em tiras de bom tamanho e espessura, elevadas à perfeição. Por fim, o molho era bom, mas faltava algum destaque do seu sabor deixando a diferente textura dos cogumelos encarregadas do seu papel no conjunto. O gosto de tudo listado acima foi um destaque, já que o bacon acompanhava (sem sobressair) o sabor da carne, suavizado pela massa. Aliás, massa que, no meu caso, foi devidamente temperada com o maravilhoso queijo ralado servido separadamente, dando um sabor mais forte (de queijo) para aqueles mineiros que não conseguem largar o velho vício.

Sobremesa:

Bunet allamaretto (creme com cafe, marsala, chocolate e amêndoas, encorpado com biscoitos champagne em cauda de açúcar queimado): 3/5

O gosto era bem forte, estranho ao paladar, como uma bebida alcóolica que é ingerida pela primeira vez. Se me fosse proposto escolher uma única palavra para descrever a sobremesa ela seria, sem muitas dúvidas, exótica. De paladar presente e textura única o Bunet definitivamente não é a sobremesa para todas as pessoas, podendo desagradar fortemente aqueles menos inovadores. O gosto do café e do álcool eram imponentes e vinham sempre acompanhados do açúcar queimado numa textura molhada sem muita liga – que desfazia sem dificuldades na boca -, ressaltadas pelo crocante das pontuais amêndoas. No geral o seu sabor era uma delícia (mesmo com o negativo impacto inicial) e sua decoração uma verdadeira simpatia.

Custo Beneficio: 4/5

O L’astigiano é o típico restaurante de preço justo, onde dependendo do seus pedidos o valor da conta pode surpreender sendo muito barato ou muito caro. Como os pratos são muito bem preparados e, em geral, bem servidos, você pode sem dificuldades dividir uma entrada e um prato principal com um acompanhante para se deliciar com uma excelente culinária italiana sem se preocupar com um possível desperdício ou com o valor final.

Dicas:

Fomos ao L’astigiano com a boca cheia d’água, na esperança de degustarmos (e falarmos à respeito) do incrível festival de Gnocchi della Fortuna, servido todo dia 29, mas por problemas técnicos não estavam servindo o menu do festival na ocasião. Assim, se tiverem a oportunidade, experimentem o festival de Gnocchi em algum dia 29. Aproveitem a casa que é aconchegante e vá em pares (a meia-luz e a harmonização dos pratos e vinhos deixam o ambiente bem romântico), ou em pequenos grupos de amigos que desejem apreciar um bom jantar.

post and review by Eduardo Boaventura & Path Tôrres
Anúncios

2 Respostas para “L’astigiano Ristorante

  1. Adoro!!! Minha pedida foi bruschetta de entrada, risoto de limão siciliano e presunto cru e bunet de sobremesa, como você. Eu daria 5/5 para todos. Não saberia dizer o que estava melhor. O risoto me satisfez MUITO! Acredito que tenhamos o apetite bem diferente. Eu me recordo de ter comentado que era bastante. O bunet… ainda me lembro do sabor até hoje. Simplesmente perfeito e diferente. Finalmente uma sobremesa diferenciada, pois já não suporto mais o tal do petit gateau ou os parfait de tudo quanto é coisa. Pedimos também uma torta de tiramisu que estava ótima. O atendimento foi maravilhoso, mas a casa não estava tão cheia no dia. Não tenho um blog/site de culinária e não estava para julgar.. mesmo assim, o Pablo (proprietário) também foi a nossa mesa, falou um pouco da sua história e deu um imenso suporte na escolha dos pratos. Já o fato de ser discreto faz da casa uma espécie de reduto do bom apreciador da cozinha italiana. SUPER RECOMENDO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s