Glouton

NOTA GERAL: 4.1/5

Rua Bárbara Heliodora, 59 – Lourdes – Belo Horizonte – MG | Tel: (31) 3292-4237 

Localização e Ambiente: 5/5

A casa se estabelece onde era o antigo Santa Sophia, numa casa de apenas um nível em meio aos altos prédios de Lourdes, numa das ruas gastronomicamente mais badaladas da cidade. O Glouton abre suas portas mantendo praticamente a mesma distribuição da antiga loja, modificando de maneira correta, porém sutil, seu antigo ambiente. Foram feitas então pequenas adaptações, transformando seu antigo bar, onde eram feitos os cafés, numa bela cozinha aberta ao público, permitindo a seus clientes apreciarem os preparos dos pratos do dia. No geral uma casa simples, com uma paleta de cores elegante e muito bem dosada, evitando exageros que poderiam desagradar seu, digamos, mais experiente público alvo.

Atendimento: 3/5

A logística da casa, apesar de tudo, tropeçava. Seus múltiplos garçons por vezes vinham à mesa para realizarem a mesma pergunta, ou para supostamente anotarem aqueles pedidos que já haviam sido requisitados à outro membro da equipe uma bela dezena de minutos atrás. Para completar a frequência destes em todas as áreas da casa – que digamos de passagem pode ser dividida em quatro ambientes bem distintos, sendo dois externos e dois internos – era lastimável, podendo acarretar em certa demora para ao menos visualizarmos algum garçom, que geralmente vinha nos questionar sobre algo que já havíamos conversado com outro membro da equipe. Ainda assim, e apesar de tudo, nossa garçonete, que acredito ser nossa atendente principal, foi solícita e simpática, anotando todos os pedidos e garantindo que estes, uma vez prontos, chegassem à mesa o quanto antes.

Gastronomia: 4.2/5

O Glouton tem um cardápio reduzido e temporário, solução que consideramos simplesmente deliciosa!! Eram apenas 5 pratos principais, algumas entradas e sobremesas, cada uma com um apelo diferente. O restaurante é um contemporâneo com influências nacionais e internacionais, montando combinações que, mesmo pouco inovadoras, eram criativas e bem selecionadas.

Entrada:

Pastilla de queijo canastra com mel: 5/5

Pastilla de queijo canastra com mel

Nossa entradinha era composta de um pequeno pastel de massa filo recheado de uma generosa porção de queijo canastra. A porção era então acompanhada de um pequeno potinho de mel, que combinava formidavelmente com o queijo, tornando a nossa primeira impressão da casa simplesmente deliciosa! Seu porém fica por conta de certo excesso de gordura, proveniente de uma massa extremamente amanteigada combinada com um queijo que, convenhamos, derramava óleo. O resultado então era um prato relativamente enjoativo para seu tamanho, perfeito para ser dividido por um número superior ao de um quarteto de pessoas, evitando assim certa intoxicação exagerada de gordura. Ainda assim, sua combinação não deixava em nada à desejar, deslocando o sabor salgado do queijo para um maravilhoso adocicado do mel. O resultado não era menos que sublime, fazendo apenas nosso lado curioso nos questionar como o prato se comportaria se o exemplar viscoso em questão fosse apresentado em sua versão trufada.

Pratos principais:

Jarré de cordeiro em seu próprio molho com nhoque de paris: 3/5

Jarré de cordeiro em seu próprio molho com nhoque de paris

Com uma carne simples, saborosa e macia o prato pecava pela ausência de qualquer diferencial verdadeiramente relevante. Seu jarré era elegantemente disposto na louça e decorado apenas com seus simpáticos gnocchis conformados como belas quenellis, deixando à encargo de seu molho, pouco merecedor de qualquer destaque, a tentativa de diferenciar o prato. O resultado então era uma saborosa combinação que se mantinha sustentada apenas pelo paladar forte da carne destemperada, apagando um pouco a oportunidade de brilhar de seus formidáveis gnocchis que, certamente, mereciam mais destaque, e talvez um pouquinho mais de sal.

Papada de porco com mil folhas de mandioca: 5/5

Papada de porco com mil folhas de mandioca

O melhor da alegre tarde de domingo era uma bela apresentação de carne e mandioca. Sua carne era um alto medalhão de porco que desfiava na boca, perfeitamente temperada por uma formidável cobertura adocicada que criava o par perfeito para o temperado ingrediente principal. O contraponto do prato então estava formado, saindo do ponto firme e salgado da carne e aterrissando de forma não menos que perfeita no docinho. Para acompanhar o já sensacional prato um excêntrico mil folhas de mandioca que, aproveitando as fibras da iguaria, criava uma leve e elegante combinação para o prato. O conjunto então não poderia ser menos que maravilhoso, pedindo apenas uma extra porção de sal em seu acompanhamento, se tornando um delírio em quantidade ideal.

Entrecôte sauce bordelaise, batatinhas coradas: 4/5

Entrecôte sauce bordelaise, batatinhas coradas

Enorme, simples e direto, a opção da casa para os mais enjoados era uma versão muito fina de filé com fritas, porém em quantidades colossais de carne e batatas. O resultado então era um prato seguro, feito à partir de uma carne de corte e preparo perfeitos que exuberava seu delicioso perfume por todo o estabelecimento, sendo maravilhosamente acompanhada por simpáticas batatinhas que desmanchavam na boca. Ainda assim, e apesar da simplicidade e execução digamos, perfeita, o prato carecia de criatividade, de um toque além da expectativa, se algo à mais que justificasse seu posicionamento no cardápio de uma casa tão caprichosa.

Sobremesas:

Creme brûlée de baunilha bourbon de Madagascar: 4/5

Creme brûlée de baunilha bourbon de Madagascar

Um feliz creme de baunilha que, ainda bem, usa da baunilha de verdade, e não seu ingrato extrato. O resultado não poderia ser menor que puro amor, podendo apenas haver no conjunto ainda mais baunilha, saindo um pouco da sutileza da sobremesa e de suas ideologias francesas e aterrissando de cara no exagerado tempero mineiro. Seu creme em si era soberbo, talvez um pouco gelatinoso demais, acompanhado de uma casca de açúcar perfeita imensamente saborosa. Até sua physallis, decorativa, era de se comer de joelhos, tornando nossa saída do Glouton tão feliz quanto a chegada, bem recebida pelos maravilhosos triângulos de queijo canastra.

Torta de limão siciliano com cobertura de marshmallow: 4/5

Torta de limão siciliano com cobertura de marshmallow

A torta de limão do Glouton era uma excelente adaptação da tão adorada sobremesa. Seu limão siciliano deixa o creme com um toque mais suave, diluindo aquela sensação simples de leite condensado e suco, e, provavelmente graças a algum ingrediente extra, fornecendo ao conjunto um ótimo toque aveludado e cremoso. Para completar, um marshmallow simplesmente delicioso, caoticamente inconsistente e agradavelmente harmônico para o conjunto que, espantosamente, não se tornava enjoativo.

Custo Benefício: 4/5

Um preço não mais que o esperado. Os pratos ficam em torno dos R$50, as entradas por volta dos R$30, e as sobremesas na casa dos R$20. O ticket médio, sem bebidas, fica em R$80, muito justo para o que se oferece e extremamente mais justo se levarmos em conta o novo nível de precificações de casas extremamente inferiores ao Glouton que vem se estabelecendo na capital mineira.

Dicas:

Vá e seja criativo! Casas de alta gastronomia são redutos perfeitos para se criar e inovar em seus pedidos, explorando sabores jamais antes experimentados que certamente surpreenderão suas expectativas. Em nossa visita vimos várias mesas, várias mesmo (algo próximo à 80% dos clientes da casa), optando pelo entrecôte, o prato menos inovador e menos criativo do cardápio da casa, pessoas que, infelizmente, perderam uma excelente oportunidade de serem surpreendidas. Ah! E chegue cedo ou reserve, pois o estabelecimento lota, principalmente à noite.

post and review by Eduardo Boaventura & Path Tôrres
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s