Bistrô da Matilda – RW 2013, 2ª edição

Em sua segunda edição nesse ano, o Restaurant Week traz 29 opções para almoço e 47 opções para jantar em uma seleção de variadas casas da cidade. O festival acontece entre os dias 26 de agosto e 8 de setembro, mantendo seu menu degustação (entrada, prato principal e sobremesa) com o preço de R$34,90 para a opção diurna e R$47,90 para a noite. Vale lembrar que esse ano, sabe-se Deus porque, existe um tema na Week: “Frutas e Flores”, portanto os menus deverão ter sua criatividade um pouco mais canalizada para cumprir este novo desafio. Durante o festival, nos manteremos dentro de um modelo mais simples de publicações para que vocês possam conferir o maior número possível de casas. Caso vocês desejem que visitemos algum restaurante específico do festival, deixe seu recado ou mande um e-mail para ondecomo@gmail.com, e não se esqueça de falar qual menu (noturno ou diurno) você gostaria que fosse avaliado.

NOTA GERAL: 4.0/5

Menu JANTAR

Sobre o Bistrô da Matilda:

O Bistrô da Matilda é um restaurante de influência britânica, localizado na avenida principal do condomínio Vale do Sol, um dos mais próximos de BH. Seu ambiente intimista, aconchegante e super romântico é iluminado por velas e luzes baixas, e seu cardápio é um mar de delícias. Ideal para pequenas reuniões ou encontros a dois, o simpaticíssimo bistrô ganhou nosso coração no ano passado, e você pode conferir nossas primeiras impressões clicando aqui.

Gastronomia:

Como dissemos, o cardápio tem influência inglesa e irlandesa e para o menu do week ele não deixou de mostrar seu expertise. Para entradinha, as tradicionais potato skins acompanhadas do tão inglês creme azedo, ou sour cream. Os pratos principais ousaram um pouco mais e brincaram com a culinária mineira e com o tema – frutas e flores – imposto pelo festival. Para sobremesa, esse jogo de internacional e local foi mantido, faltando apenas, para completar de maneira ideal, o delicioso sorvete caseiro do Bistrô, que nos levou à loucura na última edição.

Entradas:

Potato skins & sour cream: 5/5

Potato skins & sour cream 

A entradinha bem servida era um potinho cheiroso de batatinhas pirulito, bem acompanhadas por um creme azedo (sour cream) coberto com cebolinhas. As batatinhas pareciam ser assadas e depois fritas, passadas em páprica picante e levadas à mesa bem quentinhas, devidamente acompanhadas com o clássico creme ainda agradavelmente resfriado. Sua porção era mais que satisfatória, na verdade. cCegava até ao ponto de ser surpreendente, muito diferente da economia geralmente vivenciada em outras casas da week, e seu sabor, simplesmente incrível! Um deleite de misturas ácidas e picantes capaz de levar qualquer um ao delírio.

Salmão servido com risoto de couve-flor e lemmon pepper: 4/5

Salmão servido com risoto de couve-flor e lemmon pepper

O peixe veio super bem feito, sem estar passado demais, porém mantendo uma crostinha bem firme e, ao mesmo tempo, com o cerne ainda suculento, de maneira a aproveitar todas as texturas e a marcante fibrosidade do pescado em questão. Para completar a carne um maravilhoso risoto, de textura suave e sabor pontual, que dava abertura perfeita para a carne sem, em momento algum, se tornar esquecido. Se existia um, seu ponto baixo ficava exclusivamente por conta de sua decoração, a lemmon pepper, que, feita à partir de cascas de limão (geralmente da sicília) e pimenta do reino moída, era aqui combinada à um sal que, borrifado por todo o prato, poderia deixar a combinação por demais salgada e enjoativa, especialmente para aqueles mais desatentos que ocasionalmente misturavam o tempero com as garfadas.

Entrecôte bovino servido com purê e molho de rabada com agrião: 4/5

Entrecôte bovino servido com purê e molho de rabada com agrião

A carne estava boa, porém haviam partes um pouco duras, o que provavelmente significa que o preparo foi bom, porém o corte desta nem tanto. Seu molho de rabada era impressionantemente eficiente, combinava divinamente com a carne e com seu purê. Purê, inclusive, que se mostrava outro ponto alto do prato, com um incremento substancial de queijo que agregava tanto uma textura elegante e única, puxenta e nada granulada, quanto um sabor marcante que combinava formidavelmente com as batatas. Seu tropeço, além do corte da carne, ficava por conta do agrião, que forte demais, não combinava nem um pouco com os sabores complexos e elaborados do restante do prato.

Banana assada servida com fudge e chantili: 3/5

Banana assada servida com fudge e chantili

O prato de apresentação pouco criativa era composto de uma banana bem assada, portadora de textura macia e sabor elevado, de um chantilly muito, mas muito fresco e dum ralo fudge. Diferente dos demais pratos da casa, a sobremesa economizava de forma sutil em seu volume, uma vez que esta era completamente dependente do tamanho das bananas aqui utilizadas. Ainda assim, jamais poderíamos considerar seu tamanho (que continuava maior que de muitas outras casas do festival) como fator relevante para nossa real desilusão com o prato, uma vez que este era por demais simples, se tornando um ponto fora da linha e se distanciando do padrão até então exibido pela casa. De qualquer forma, um prato bom, e apenas bom, que mantinha uma agradável combinação de texturas e um paladar não tão doce, somente quebrado pelo pouco espesso caramelo.

Dicas:

Agarre uma boa companhia e corra ao Bistrô da Matilda, para provar das delícias do cardápio e degustar um bom vinho. Lembre-se de chegar cedo, para não ficar esperando no frio, e, não importa se vai durante o festival ou não, não deixe de completar sua refeição com o ótimo sorvete artesanal do estabelecimento.

post and review by Eduardo Boaventura e Path Tôrres

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s